Salário mínimo já vale R$ 954 com menor reajuste desde 1995

em .

No dia 1º de janeiro entrou em vigor o novo valor do salário mínimo de R$ 954,00, com reajuste de 1,81% sobre R$ 937,00, ou um acréscimo de apenas R$ 17,00.
Com isso, o teto dos benefícios da Previdência Social passa de R$ 5.531,31, em 2017, para R$ 5.635,30, a partir de janeiro de 2018. O valor diário do salário mínimo corresponderá a R$ 31,80, e o valor por hora, a R$ 4,34.
O reajuste de 1,81% é o menor desde 1995, quando o índice foi de 4,61%, e ficou bem abaixo das previsões do próprio governo. Inicialmente, o governo estimou o mínimo de 2018 em R$ 979,00. Depois, baixou para R$ 969,00 e para R$ 965,00.
 
Entenda como o governo calculou o novo mínimo
Para chegar ao reajuste de 1,81%, o Ministério do Planejamento estimou a inflação anual medida pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) em 1,88%. Porém, após aplicar essa correção, descontou R$ 1,41 do novo mínimo “para compensar o ajuste acima da inflação” do salário mínimo em 2017.
Esse mesmo critério já havia sido adotado no cálculo do salário mínimo de R$ 937,00, em 2017, quando foi descontado 0,10 ponto percentual por conta do aumento maior que a inflação em 2016.
 
Reajuste do mínimo perde para inflação pela 2ª vez
Isso significa que pelo segundo ano consecutivo o salário mínimo deve ter reajuste menor que o INPC. A real perda neste ano, no entanto, só será conhecida no dia 10 de janeiro, quando o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia ne Estatística) divulga o INPC de 2017.
Pela lei que vigora até 2019, o salário mínimo em janeiro pelo INPC do ano anterior, acrescido da variação do PIB (produto Interno Bruto) de dois anos antes a título de aumento real. Faz dois anos que o mínimo não tem aumento real porque o PIB foi negativo em 2015 e 2016.
 

Fale Conosco

  • Sede Santo André
    Rua Gertrudes de Lima, 202 - Centro - Santo André
    Telefone: (11) 4993-8999 - Veja o Mapa

  • Sede Mauá
    Avenida Capitão João, 360 - Matriz - Mauá
    Telefone: (11) 4555-5500 - Veja o Mapa